Arquivo de junho, 2015

Anúncios

(…)

As necessidades diárias variam de acordo com a faixa etária:

  • criança – 800 mg/dia;
  • adolescente – 1200 mg/dia;
  • adulto – 800 mg/dia;
  • pré- menopausa – 1000 mg/dia;
  • pós- menopausa, 1500 mg/dia;
  • gravidez aumenta para cerca de 1500 mg/dia;
  • lactação aumenta para cerca de 1500 a 2000 mg/dia.

(…) podemos exemplificar:

COMBINAÇÃO PARA ADULTO (800 mcg de cálcio) RESULTADO
Leite integral + iogurte natural + 1 laranja + 2 col. de feijão 936,4 mcg de cálcio
Leite desnatado + 4 col. de flocos de aveia com 1 copo de iogurte desnatado + I fatia de melancia + 1 fatia de queijo minas 865 mcg de cálcio

(…)

Curiosidades:

  • O cálcio não pode ser absorvido sem a vitamina D, que é produzida pela pele em resposta a exposição à luz solar.
  • O cálcio compete com o ferro no sítio de ligação (porta de entrada dos nutrientes nas células), portanto sempre que possível deixe os alimentos ricos em cálcio para as refeições como café da manhã e lanches. No almoço e jantar dê preferência às carnes, que são ricas em ferro.
Matéria elaborada pela Equipe RGNutri“.
Fonte: Informação retirada do Portal RGNutri no dia 05 de junho de 2015:

Tabela de alimentos

Fonte: Informação retirada do Portal saudeossea no dia 05 de junho de 2015:

http://www.saudeossea.com.br/Dicas-De-Alimentacao.aspx

(…)

Sardinhas: 550mg de cálcio em 100g

Semente de gergelim: 825mg de cálcio em 100g

Laranja: 35mg de cálcio em 100g

Salsa: 179mg de cálcio em 100g

Rúcula: 117mg de cálcio em 100g

Leite de soja: 240mg de cálcio em 200ml (um copo)

Semente de linhaça: 211mg de cálcio em 100g

Manjericão: 211mg de cálcio em 100g

Manjericão: 211mg de cálcio em 100g

Grãos de soja: 206mg de cálcio em 100g

Feijão carioca: 123mg de cálcio em 100g

Espinafre: 112mg de cálcio em 100g

Feijão branco: 111mg de cálcio em 100g

Couve: 131mg de cálcio em 100g

Carne de caranguejo: 357mg de cálcio em 100g

Brócolis: 86mg de cálcio em 100g

Amêndoas: 237mg de cálcio em 100g

Fonte: Informação retirada do Portal IG no dia 05 de junho de 2015:

http://saude.ig.com.br/alimentacao/17-alimentos-ricos-em-calcio-que-nao-contem-leite/4fac5149dfc7860b0b000428.html

” A água

Você deve beber pelo menos 1,5 L de água por dia para purificar seu organismo. Prefira as águas ricas em magnésio e cálcio, que vão lhe ajudar a eliminar as toxinas, facilitar a digestão e o trânsito intestinal. Outra coisa importante é procurar limitar o stress e a fadiga. Evite as águas gasosas que incham a barriga. Nem precisa lhe dizer para evitar os refrigerantes, certos sucos de frutas e limitar o café com açúcar e o álcool…

(…)

Os legumes

O ditado “5 frutas e legumes por dia” não é um mito, mas uma realidade. Comer legumes diariamente é indispensável para ficar sem barriga. Prefira os legumes verdes e ricos em fibras, portanto não restrinja as vagens, saladas, ameixas… Limite os legumes crus, pois eles são difíceis de digerir. E os legumes muito secos, muito ricos em celulose (fibras insolúveis) e que podem irritar facilmente os intestinos e inchar o estômago (grão de bico, lentilhas, feijão…) e também o repolho que é de difícil digestão.

Os peixes

Para otimizar suas chances de ter uma barriga plana, evite comer carnes gordurosas, miúdos e peixes gordos. Mas não se prive de comer carnes brancas e peixes magros: linguado, bacalhau, garoupa, pescada, truta… Você tem muito onde escolher! O ideal é comer peixe duas vezes por semana.

As matérias gordurosas

Evite as gorduras prejudiciais (contidas nas guloseimas de confeitaria, frituras, pratos preparados com manteiga…) que dificultam a digestão. No entanto, não tire certas gorduras de sua alimentação pois elas são necessárias ao seu organismo, que não sabe fabricar certos nutrientes contidos nos óleos. O azeite é um perfeito aliado, ele é rico em antioxidantes, em ácidos graxos saturados (neutros para o organismo) e em vitamina A e E. Ele é, aliás, utilizado na célebre dieta de Creta (ou dieta mediterrânea), um regime à base de legumes, frutas e azeite. Se você não gosta especialmente do azeite, você pode se virar para os óleos ricos em ômega 3.

O abacate

Mesmo se o abacate é considerado como uma fruta muito gordurosa e calórica, fique tranquilo, o abacate é composto de gorduras sadias, benéficas. Ele é fonte de vitaminas E e B (10 a 16 g por abacate) e potássio. Os ácidos graxos mono-insaturados diminuem a taxa de colesterol e agem sobre a regularização da glicemia (taxa de açúcar no sangue). Coma-o cru, em salada, grelhado ou em suco de legumes ou smoothies.

O pão de cereais

O melhor é mesmo diminuir o consumo de pão mas se você é realmente viciado, evite todos os pães brancos, pães de forma e outros pães ricos em glucídios. Prefira portanto os pães de cereais, os ricos em grãos e portanto ricos em fibras que regulam os intestinos e baixam a taxa do mau colesterol e elevam a do bom (só isto já vale a pena…). Se você comer legumes com a carne acrescente uma fatia de pão de cereais para equilibrar sua refeição.

A quinoa

A quinoa é um cereal, rico em fibras, ferro, vitaminas e pode substituir sem problemas os ricos em amido tradicionais: massas, arroz, sêmola. Ela limita o acúmulo de gorduras ruins. Ela tem a vantagem de poder ser degustada quente ou fria e portanto pode ser comida não importa se faz calor ou frio. Doce ou salgada, você pode prepará-la como bem lhe convier.

O aipo

O aipo é pouco calórico e rico em nutrientes. Ele é diurético em razão de seu alto teor em potássio e é excelente para lutar contra a retenção de líquidos. Ele abaixa a pressão arterial. Você pode comê-lo cru, em dips acompanhado de um molho leve de iogurte, em sopas ou smoothies. É igualmente um excelente “tira-fome”, portanto não hesite em levá-lo para o trabalho sob forma de bastõezinhos para quebrar aquela fominha das 11 horas.

O vinagre de sidra

O vinagre de sidra deve suas qualidades e virtudes à maçã, ele está cheio de vitaminas e minerais mas principalmente de pectina e provitamina A, um excelente antioxidante e portanto bom para queimar gorduras. Escolha bem um vinagre de sidra sem aditivos: mais ele é natural melhor é. Para purificar seu organismo, tome uma colher de vinagre de sidra diluído num copo de água morna, pela manhã, em jejum e, se quiser perder peso, repita a operação 3 vezes por dia, 30 minutos antes de cada refeição. Cuidado, o vinagre de sidra é muito ácido! Mas se você seguir esta astúcia rigorosamente, você verá os resultados no fim de algumas semanas.

As peras

A pera é pobre em calorias mas não em fibras! Ela permite que você se sinta saciado, lhe dando muito prazer, pois confessemos, a pera é ligeiramente adocicada e incrivelmente saborosa. E, além do mais, ela é rica em vitaminas, então aproveite! A mesma coisa para a maçã, principalmente a Granny (verde), não se prive se você gosta.

O gengibre

O gengibre pode ser encontrado como especiaria seca, mas o melhor consumi-lo fresco, ralado ou cristalizado. Ele é rico em fibras (1 g por 100 g), ele realça o sabor dos pratos e favorece a digestão e ainda reduzindo os gases. Ele é excelente para o bom funcionamento do sistema digestivo. Coloque um pouco de gengibre fresco nos seus chás e tisanas preferidos.

As amêndoas

Tanto quanto o abacate, as amêndoas são ricas em ácidos mono-insaturados (Ômega 9), as boas gorduras de fato (aquelas que não ficam estocadas nos famosos “pneus” da barriga). Elas permitem igualmente evitar as guloseimas fora de hora. Para adotar este reflexo, coma algumas amêndoas por dia na hora da “fominha” habitual!

O chá verde

Beba chá verde, ideal para lutar contra os gases e para quando você tiver dificuldade em beber água. Evite o açúcar, é claro, no seu chá! Beber 4 a 8 xícaras de chá verde por dia durante vários meses, ajudaria a manter a barriga plana e uma boa linha (consulte seu médico ou nutricionista para ver suas condições para fazer isto). Além disto é fundamental manter uma alimentação equilibrada e fazer atividades regulares. Não hesite em aromatizar seu chá com gengibre ou limão fresco.

Aveia em flocos

A aveia em flocos tem um poder nutritivo muito poderoso e saciador. Ela é rica e fibras e pobre em calorias. Consumir no café da manhã deixara você saciado até o almoço e fará bem ao seu organismo. A sensação de saciedade dura mais tempo, sob a forma de mingau ou granola, cabe a você escolher como consumi-la. Não hesite em acrescentar algumas frutas frescas.

Fonte: Informação retirada do Portal MSN no dia 03 de junho de 2015:

http://www.msn.com/pt-br/saude/nutricao/15-alimentos-que-v%C3%A3o-lhe-ajudar-a-ficar-sem-barriga/ss-BBkfvtV?ocid=mailsignoutmd#image=1